Audiência Pública sobre Método APAC é realizada em Inhapim/MG

No dia 24 de abril, Pastor Elan Tebas representou a FBAC em audiência Pública na Comarca e Inhapim/MG. A Audiência Pública foi convocada pela juíza da comarca de Inhapim, Dra. Sibele Cristina Lopes de Sá Duarte e pela APAC na pessoa de seu presidente, Sr. Ueslei Guidini Pereira. O objetivo da audiência foi dar visibilidade sobre o Método APAC para a toda a sociedade das cidades pertencentes à Comarca.

Estavam presentes Dr. Marcelo Magno Ferreira e Silva, Promotor de Justiça da Comarca de Inhapim, prefeitos e representantes das cidades de Inhapim, Iapu, São Sebastião do Anta e Bugre, representantes da Polícia Militar e de organismos de serviço social, recuperandos, diretoria, voluntários e funcionários da APAC de Inhapim.

Durante a Audiência, Pastor Elan explicou a todos o que é a FBAC, sua missão, sua meta e seu importante papel no acompanhamento das APACs. Pastor Elan fez um balanço do encontro: “Estive em Inhapim, representando a FBAC, para audiência pública de fortalecimento da APAC. Dra. Sibele, Juíza Criminal, está muito motivada, bem como o Promotor Dr. Marcelo. Diversas autoridades estavam presentes, em especial recuperandos de Inhapim dando um maravilhoso testemunho. Foi uma produtiva reunião. Inhapim está no rumo certo. Parabéns a todos vocês de Inhapim.”

Em sua apresentação, Dra. Sibele deixou muito claro que acredita na metodologia APAC e irá se empenhar para que a APAC de Inhapim se torne referência em sua gestão. Disse para os participantes que é um privilégio ter uma APAC na Comarca, que APAC não é hotel, mas local onde a pessoa tem a oportunidade de se reeducar e recuperar, através de um Método de Valorização Humana e profissionalização. Ao final fez um apelo a todos os participantes para que se comprometam com o sucesso da APAC. Disse ela: “Esse método é diferente do sistema carcerário, pois é baseado na confiança, respeito e humanização da pena. Na porta está o recuperando com as chaves. Ele poderia fugir, mas não, é ele quem nos recebe.”

 

Para o presidente da APAC, Sr. Ueslei, “esta Audiência representou para nós um grande avanço. É um divisor de águas em nossa história. Queremos caminhar seguindo todas as orientações da FBAC, buscando acima de tudo, a transparência, a recuperação do preso, e o acompanhamento de seus familiares, a fim de que nossa APAC se torne, como tantas outras, referência na recuperação e reinserção social.”

A APAC de Inhapim foi fundada em 18 de junho de 2003. Com capacidade para acolher 80 recuperandos, 60 no regime fechado e 20 no regime semiaberto, a APAC conta com uma terapêutica intensa, baseada na valorização humana. Com uma rotina diária que inicia às 6 da manhã e finaliza ás 22 horas, todos os detentos estudam, trabalham e são corresponsáveis de sua própria recuperação.

Parceiros

  • assmg.jpg
  • avsi.jpg
  • avsibrasil.jpg
  • FIAT.jpg
  • governoMA.jpg
  • governomg.jpg
  • melt.jpg
  • MinaspelaPaz.jpg
  • mpmg.jpg
  • Novos rumos.jpg
  • projetec.jpg
  • seapmg.jpg
  • senac.jpg
  • sociedadebiblicadobrasil.JPG
  • tioflavio.jpg
  • tjma.jpg
  • UE.jpg