APAC de Itapecuru Mirim recebeu máquinas para confecção de máscaras

A Associação de Proteção aos Condenados (APAC) de Itapecuru-Mirim recebeu, na quarta-feira, 1º de julho, máquinas e acessórios de costura para utilizar na produção de máscaras de proteção contra a Covid-19, que serão confeccionadas pelos recuperandos que cumprem pena na entidade e doadas para hospitais, creches, asilos, secretarias municipais, diversas entidades e para a população mais carente.


A APAC recebeu seis máquinas, duas overloques, uma galoneira, duas de costura reta e uma de corte, além de tecidos, tesouras e plásticos. O material foi adquirido com recursos da União Europeia, no valor de R$15 mil reais, por meio do Projeto “Humanizar a Pena, Promover a Vida”. O projeto foi lançado em São Luiz no dia 16 de junho. É uma parceria entre a Associação Voluntários para o Serviço Internacional (AVSI Brasil), a Fraternidade Brasileira de Assistência aos Condenados (FBAC), as Associações de Proteção e Assistência aos Condenados (APACs) e a União Europeia, a fim de proporcionar recursos e condições para que as APACs possam contribuir no combate à pandemia.


“Eles ficaram muito animados e alegres por saberem que eles contribuem para salvar muitas vidas com a fabricação das máscaras e que a população fica agradecida”, declarou a vice-presidente da APAC e secretária municipal de saúde, Teresa Muniz, que recebeu os equipamentos.


“De fato, estou feliz porque essa atitude que tomamos tem alcançado famílias mais carentes de Itapecuru que não têm condições de comprar máscaras para se proteger". Disse um recuperando que cumpre pena na APAC.


Segundo a juíza da 2ª vara de Itapecuru-Mirim, Mirella Freitas, a ação tem auxiliado na mudança da percepção que a população tem das pessoas privadas de liberdade. “É preciso que não se veja a prisão como um espaço de vingança, mas sim como um espaço de regeneração do ser humano.”


A Campanha Humanizar a Pena, Promover a Vida foi lançada no dia 16 de junho, com o apoio do Tribunal de Justiça do Maranhão, Corregedoria Geral da Justiça, Escola Superior da Magistratura, Fraternidade Brasileira de Assistência aos Condenados (FBAC) e Secretaria Estadual e Administração Penitenciária (SEAP). Durante a campanha, a população foi informada sobre a metodologia APAC, modelo eficaz para ressocialização de apenados, com sete unidades instaladas nos municípios de São Luís, Imperatriz, Pedreiras, Timon, Itapecuru-Mirim, Bacabal e Viana.

 

Mais informções: TJMA e AVSI BRASIL

Fotografia: AVSI Brasil

 

Parceiros

  • assmg.jpg
  • avsi.jpg
  • avsibrasil.jpg
  • governoMA.jpg
  • isvor.jpg
  • logogoverno.png
  • melt.jpg
  • MinaspelaPaz.jpg
  • mpmg.jpg
  • Novos rumos.jpg
  • seapmg.jpg
  • senac.jpg
  • sociedadebiblicadobrasil.JPG
  • tioflavio.jpg
  • tjma.jpg
  • tjmg.png
  • UE.jpg